Sexualidade

24 de novembro de 2018

EXPERIÊNCIA SEXUAL PARA O PROJETO TEXTOS PUTOS VOL. 2

Já que captei o valor pra produzir o volume 2 do livro “Textos Putos” e as ações pornográficas paralelas, agora estou à procura de pessoas que queiram vivenciar comigo um ENCONTRO EXTRA SEXUAL. Explicando de maneira bem grossa, seremos filmados e fotografados enquanto a gente fode pra valer. As fotos estarão no livro e os vídeos irão para os apoiadores e site. Procuro pessoas sem mimimi, sem medinho ou preocupação de se expor – e sem restrições sexuais. E claro, que não tenham problema em ficar nu e nem trepar na frente das câmeras. Serão 5 experiências sexuais com os seguintes perfis: – 1 mulher que tenha facilidade em ejacular (squirt) – 1 mulher transexual – 1 homem negro (pois não tem nada mais lindo que um corpo negro) – 2 homens bissexuais – 1 mulher fora dos padrões babacas impostos pela sociedade – de preferência plus size – Que curta chupar xoxota. (Todas têm que funcionar bem com camisinha) A vivência será realizada nos dias 13 e 14 de […]

Veja mais
3 de janeiro de 2017

MÉDICOS ADVERTEM: SEXO ORAL PROVOCA CÂNCER DE GARGANTA!

Tabaco, substância presente no cigarro, e o consumo de bebidas alcoólicas sempre foram apontados como um dos principais fatores para desenvolvimento de câncer na região da garganta. Pois agora cientistas afirmam que o sexo oral ocupa o topo da lista entre os comportamentos de risco. Uma pesquisa recente divulgada pela Universidade do Estado de Ohio, nos Estados Unidos, descobriu que o vírus HPV atualmente é a principal causa de câncer em pessoas com menos de 50 anos. Como o HPV, para muitas pessoas, não provoca feridas nem dor, o sexo oral sem proteção facilita o contágio. “O ideal é que homens e mulheres usem preservativos para recebê-lo”, diz a terapeuta sexual Arlete Gavranic, do Instituto Brasileiro Interdisciplinar de Sexologia e Medicina Psicossomática. Segundo ela, alguém infectado com o tipo de vírus associado ao câncer de garganta tem 14 vezes mais chances de desenvolver a doença. “O fator de risco aumenta de acordo com o número de parceiros sexuais e especialmente com aqueles com quem se praticou sexo oral”, afirmou a […]

Veja mais