28 de fevereiro de 2018

ROLA SEXO DURANTE O PERÍODO DE “BANDEIRA VERMELHA”?

Uma pesquisa realizada entre os leitores das revistas Nova e da Men’s Health e, agora, pelo Sexiblog+18 SeximaginariuM, revelou a opinião de mulheres e homens quando o assunto é sexo durante o período menstrual. Os entrevistados pelas duas revistas disseram que 59% das mulheres se incomodam de transar menstruada, ao passo que 53% dos homens não se importam. Pelo Facebook o SeximaginariuM apurou que das 169 mulheres que participaram da pesquisa 75 responderam que sim e 94 não. A seguir, segundo nossas leitoras, os bons motivos para “dar” menstruada: Com certeza, é o período que mais sinto tesão. Sim no finalzinho tenho, mas tesão adoroo. Sim, e tem o cool de reserva só não pode ficar sem dar. Sim, salsicha ao molho kkkkkk. Sempre! Porque nesse período, eu e meu marido ficamos loucos de tanto tesão! Sim Melhor coisa a mulher está com mais tesão e é ótimo para aliviar os incômodos da TPM Tipo acabar com a cólica Sim Eu fervo preciso de rola nessa época kkkk Gente eu […]

Veja mais
4 de fevereiro de 2018

ESPOSINHA SE “ACABOU” NA PICA DO NEGÃO

Minha esposa Helena sempre alimentou a fantasia de transar com um homem negro. Ficava muito excita quando assistíamos filmes com negões avantajados! Conhecemos Paulo numa festa no final de 2017. Um negro bonito, alto, forte, extrovertido e bem humorado. Após esse dia Helena sempre comentava sobre ele. Pronto! Encontrei o negão que iria fazer minha esposa feliz! Conversei com ele pelo whatsapp… Comentei que tinha sido o primeiro homem dela e após 15 anos de casados pensei que não seria justo a minha esposa não saber como seria outro homem. E, como sabia do tesão que ela tem por negros, ele seria “o cara”. Marcamos um encontro num café. Paulo conduziu muito bem o nosso “papo”, sem tocar diretamente no assunto. Percebeu que Helena não estava tão à vontade, meio tímida e sem jeito. Falava pouco, mas o encarava com desejo. Para quebrar o gelo brinquei: -Amor, acho que você não está muito interessada na nossa conversa, quer ir embora? Helena sem jeito respondeu em voz baixa olhando para mim: […]

Veja mais
1 de fevereiro de 2018

DOGGING: FETICHE DO SEXO EM PÚBLICO À MOSTRA DOS CURIOSOS

O dogging, um misto de voyeurismo e swing, começou na Inglaterra na década de 1970 e ainda é incipiente no Brasil. O fetiche se baseia no prazer do sexo alcançado com mais intensidade devido ao fato de desconhecidos estarem olhando tudo de muito perto. O nome traz diferentes abordagens, seja pelo fato de ser como levar o cachorro para passear e observar tudo ou mesmo pela similaridade dos cães de rua, que acasalam na hora e local que querem. As relações acontecem, geralmente, em lugares públicos um tanto ermos, com pouca iluminação, abandonados e sempre tarde da noite. Com a internet, as pessoas interessadas nesse tipo de relação conseguem se organizar através de fóruns e até mesmo de sites para que os encontros sejam marcados. Pioneira do “dogging”, a Inglaterra tem até uma espécie de federação, o Dogging After Dark, que dá informações, promove debates e até indica mais de 5.000 lugares para transar sob as diretrizes da prática. Ao acessar o site da DAD (www.dogging-afterdark.co.uk), fica claro de cara […]

Veja mais
28 de janeiro de 2018

REALIZEI MINHA FANTASIA: “PEGUEI” MINHA AMIGA!

Há algum tempo, numa festinha de despedida de solteira, rolou a brincadeira do jogo da verdade… Todas bêbadas, uma das meninas deixou claro que adoraria “me pegar”! No início fiquei assustada, mas, despertou em mim a curiosidade de ficar com uma mulher. Depois disso, mantive contato com minha amiga e resolvemos “apresentar e colar” as bucetas. Fizemos nossa primeira farrinha na casa dela. Aproveitamos que o marido estava viajando e… Foi simplesmente maravilhoso! Ficamos outras vezes juntas, com os maridos assistindo, mas sem troca de casais. Primeiro a “festinha” era entre nós duas e depois com eles participando. Minha amiga mudou-se de São Paulo. Continuei casada, mas sempre querendo transar com outra mulher. Convenci meu marido a frequentarmos uma casa de swing… Amei! É uma putaria do caralho! Mas o que procurava ali era encontrar uma gata pra matar a minha vontade de ser chupada novamente. Entrei no grupo de watsapp do clube, coloquei uma foto da minha bunda com uma calcinha minúscula… Isso foi suficiente pra muitos elogios e […]

Veja mais
23 de janeiro de 2018

SEMPRE TIVE PRAZER EM FAZER SEXO ANAL

Recebi esse texto de uma leitora do SeximaginariuM: Não sei se dar o cuzinho é um defeito próprio de uma vagabunda ou uma deliciosa sodomia. O lance é que dando o cu me realizo e gozo como ninguém. E me parece, pelo menos é o que sinto, que a maioria dos homens adora a mulher que dá o cu sem frescuras. E eu dou. Ah, como dou! Dizem que algumas mulheres fazem sexo anal só para agradar seu parceiro, mas eu faço porque gosto e porque mereço. Mereço sentir um macho bem despojado e acoplado às minhas ancas. Mereço um ferro quente e grosso me rasgando o lombo. Me cobrindo feito uma égua selvagem no cio. Tive uma amiga – grande amiga inclusive – que me disse, e soou como um elogio: – Você se comportava feito uma vagabunda totalmente sem classe! Não sabia que foder e dar gostoso o cuzinho para o seu homem, e fazer o que se gosta seja imoral. Enfim, cada um, ou uma, na sua. […]

Veja mais
10 de janeiro de 2018

AMO MEU MARIDO JAPONÊS – PAU PEQUENO E CORNINHO MANSO

Sou sansei, descendente de japoneses, 40 aninhos, seios médios, bumbum bonitinho, coxas não muito grossas, obediente, submissa, uma verdadeira gueixa. Sou casada com um japonês legítimo, maduro, 60 anos, liberal, obediente, corno mansinho compreensivo e incentivador. Somos do interior de São Paulo. Ele trabalha na capital e aos finais de semana ficamos juntos e nos divertimos muito na noite paulistana. Toda vez que vou a Sampa ele me presenteia com roupinhas ousadas, decotadas, minissaias curtinhas, shortinhos apertados que marcam bem a buceta. Adora que eu vista e passeie pela cidade com elas. Ele sabe que gosto muito dele, mas que não supre minhas necessidades sexuais. Não é como eu gosto. É preciso muito mais para aplacar meu fogo. O maior motivo é o pau dele que é pequeno e não me satisfaz. Fica “sambando”, folgado lá dentro e não sinto nada. Ele sabe entende e colabora – Ele me deixa cornea-lo. Em matéria de sexo é muito criativo e como falei liberal – tem tesão que eu seja hotwife, me […]

Veja mais
7 de janeiro de 2018

VAMOS ABRIR A RODA, ENLARGUECER, POR FAVOR, ABRE A RODINHA.

Ano passado (2017) fizemos aqui no SeximaginariuM a enquete “Mulheres dar o cuzinho ou não”. Os resultados mostraram que as mulheres adeririam ao ato! E ai meninas sexo anal sim ou não: 41% já fizeram. 35% fazem sempre e adoram. Para 8% das mulheres “talvez quem sabe um dia”. 7% Fazem para agradar seus homens. 5% Fizeram e não gostaram. 5% Não farão de jeito nenhum. Dei o cuzinho a primeira vez para: Marido: 32% Namorado: 22% Pau amigo: 16% Amante: 16% Ficante: 13% Noivo: 2% Algumas leitoras deixaram suas opiniões: “Homem depois que prova um cuzinho, jamais vai deixar de querer… E mulher que tem a sorte de ter um homem que come um cuzinho direitinho, ah meu nego não deixa de dar nunca mais. Mas isso é igual a sexo oral, ou seja, é uma arte saber fazer.” “Humm cuzinho é tudo de bom na hora certa e com o cara que sabe das coisas. Eu adoro sexo anal… Claro tem que ser feito em concordância, já tive […]

Veja mais
3 de janeiro de 2018

COMECEI 2018 ASSISTINDO MEU MARIDO “INAUGURAR” O CUZINHO DA MINHA AMIGA

O ano de 2018 começou quente! Principalmente para mim que sou uma cuckquean e boa esposa! Um casal de amigos – Claudemir e Bianca – nos convidou para passarmos o réveillon na casa de praia. Fomos nós e outro casal – Lu e o Valdir… Somos três otimas amigas e confidentes faz um bom tempo. Chegamos a Maresias na madrugada da sábado, exaustos e fomos dormir. No sábado levantamos tarde, tomamos café e, apesar do tempo nublado, fomos à praia. Bebemos muito, principalmente o Claudemir, marido da Bianca, que, apesar de espirituoso, não tem limites. Beija e agarra minha amiga o tempo todo, passa a mão na bunda dela na frente de todos e o pior, expõe a esposa e provoca: – Então Valdir, não gostaria de ter uma mulher como a Bianca? Ele meio “sem graça” respondeu: – Claro a Bianca é muito bonita, mas tem marido! A sorte é que a Lu, esposa do Valdir, tinha ido caminhar na praia senão teríamos problemas rsrs! Ela é muito ciumenta! […]

Veja mais