19 de março de 2018

PÊNIS PARK – LOCAL DE CULTO E REVERENCIA A ROLA

O Pênis Park (vejam fotos fantásticas no post) localizado na Coreia do Sul, faz parte de um complexo maior, chamado Haesindang Park, inaugurado em julho de 2002. No parque, existem cerca de 50 pênis gigantes esculpidos em diferentes materiais. O motivo de tanta rola? Uma lenda de mais de 500 anos, diz que, um dia, uma jovem mulher, deixada por alguns instantes em uma rocha perto do mar por seu namorado, morreu afogada em razão de uma tempestade que impediu o homem de encontrá-la. “Os moradores do local entenderam que a jovem havia morrido antes de conhecer os prazeres carnais e que desejava ver o sexo masculino. Decidiram então construir esculturas de pênis enormes para satisfazê-la”, conta Seyoen Park, um dos guias do Pênis Park. No ano passado (2017), 270 mil pessoas passaram por lá, tornando-se um dos lugares mais visitados da Coreia do Sul. Além do sucesso turístico, entre a população local, há a crença de que essas estátuas têm virtudes benéficas. A cidade é rica. É por isso […]

Veja mais
9 de março de 2018

LEITORA CHEGOU AO ÁPICE SEXUAL COM A MASSAGEM TÂNTRICA

Me chamo Mary, sou do carioca, 43 anos, fui casada durante 21 anos, atualmente, namorando um cara bem bacana. Nunca tive dificuldade em chegar ao clímax e ter orgasmos. Além de sexo gostoso, também me masturbo com frequência (2 a 3 vezes na semana). Mas queria mais: Eu morria de curiosidade de fazer uma seção de massagem tântrica. Foi então que eu entrei num grupo de whatsApp sobre essa técnica. Lá eu li muitos depoimentos e assisti vídeos sobre massagem tântrica, conversei com algumas pessoas que fizeram, pois não acreditava ser verdade tudo aquilo. Após conversar com inúmeras me convencia que era real. Criei coragem, liguei para um dos massagistas super elogiado no grupo (ele pediu para ficar anônimo) e marquei uma sessão. Ele me atendeu muito bem, disse que não tinha local e atendia onde eu quisesse. Resolvi marcar em um motel. Dia combinado fui para lá. Eu estava muito nervosa e excitada. Esperei um pouco e ele chegou pontualmente no horário. Abri a porta sem saber o que […]

Veja mais
24 de fevereiro de 2018

MEU MARIDO É UM CUCKOLD VOYEUR

Olá, meu nome é Liliane, tenho 35 anos e sou casada com Anderson faz quase 10 anos. Um dia li aqui nesse blog sobre cuckold e voyeurismo. Sempre tive muito interesse e curiosidade em saber o que era e como funcionava. Descobri rsrs – Homens que assistem suas mulheres trepando com outros caras! Como foi meu marido que comentou e despertou minha curiosidade sobre o tem, esperei o momento certo para comentar com ele. Perguntei a ele o que ele sentiria em me ver transando com outro homem: – Tesão, muito tesão meu amor! Fiquei surpresa com a resposta, mas não fiz nenhum comentário e fui dormir. Passei a noite pensando sobre o assunto. Às vezes pensava que meu marido não me amava mais, outras como seria transar com outro homem. No dia seguinte agi como se nada tivesse acontecido. Abracei e beijei muito meu marido porque ele iria viajar e ficaria 10 dias fora. Ele voltaria numa sexta-feira. Fui ao salão de beleza, me depilei como ele gosta e […]

Veja mais
18 de fevereiro de 2018

ANIVERSÁRIO DE 10 ANOS DO SEXIMAGINARIUM

Em 17 de fevereiro de 2008 colocamos no ar um Sexiblog pervertido, erótico, pornográfico, sobretudo irreverente. Escrever e postar sobre o que mais gostamos – sexo – em todas suas variações, dá muito tesão! Batizei o Blog de SEXIMAGINARIUM – meio SEXO meio IMAGINARIUM – com uma “cara” que já passou por diversas plásticas, mas sem “perder a sacanagem jamais”. Podemos dizer aos nossos leitores que, nesses 10 anos de sexi blogueiros, em que dividimos com vocês ideias, noticias e matérias, me diverti muito. Escolher os temas, as fotos, escrever os posts, divulgar os contos dos leitores e leitoras é uma experiência única. Em outubro de 2016 resolvemos “mudar de casa”. A ação de despejo feita pelo Google, que excluiu meus dois perfis, impossibilitaram a continuidade do Sexiblog+18 no Blogger. Estou mudando aos poucos, trazendo as principais postagens para cá. Continuo com o mesmo tesão e compromissos de 10 anos atrás – Celebrar o Sexo! Presente de ABSINTO em 2009, no primeiro aniversário do SeximaginariuM Uma miragem desnuda enfeitiçando aos […]

Veja mais
16 de fevereiro de 2018

ESPOSINHA GOZOU MUITO NO DOGGING EM SAMPA

Somos casados faz 15 anos. Kelly, minha esposa, tem 45 anos, morena, coxas grossas, bunda gostosa, bucetinha carnuda e seios fartos. É gulosa por pica de macho, principalmente a dos outros! Noite dessas de verão saímos para uma festa. Fiz um pedido especial a ela: Que usasse um vestido decotado e transparente, sutiã sem forro para mostrar o bicão dos seios e que fosse sem calcinha. Ela perguntou por que. Eu disse que faria uma surpresa a ela! Por volta das 3h da madrugada, ambos embriagados (sorte nossa da polícia não nos parar), voltando para casa, Kelly desabotoou minha calça, colocou meu pau para fora e me chupou enquanto eu dirigia. Ela adora sentir uma rola de macho batendo no fundo da garganta. Para me deixar com mais tesão enfiou o dedo na buceta molhada e colocou na minha boca para eu chupar. Falei para ela: -Vamos para um lugar aqui próximo, Praça do Pôr do Sol (Alto de Pinheiros), agente estaciona num local tranquilo e fodemos gostoso dentro do […]

Veja mais
10 de fevereiro de 2018

MULHER PROCURA RELACIONAMENTO CUCKOLD

Me chamo Anne, tenho 34 anos, morena, carinhosa e muito fogosa. Tenho uma situação financeira estável e bom nível cultural. Procuro um homem maduro (50 anos ate 70 anos), estabilizado economicamente que queira ser meu cuckold. Como compensação, farei dele um corninho muito feliz e realizarei todas as suas fantasias, principalmente a possibilidade de ver sua amada fodendo com os amantes. Nunca tive essa experiência, o “mundo cuckold” ainda não faz parte da minha vida sexual, mas sempre tive muita vontade. Desejo e quero muito! Não vou resistente a isso, pois é algo incontrolável e perturbador que parece ter nascido comigo, por isso resolvi viver essa vida de hotwife. Por esse motivo, estou aqui a procura de um “marido corno” que compartilhará comigo o amor e o tesão. Eu como esposa o amarei e transarei com vários parceiros. Ou seja, uma dama para sociedade e uma puta na cama. Lembrando que, sexo é diferente de amor. Entendo que o verdadeiro cuckold, tratará a sua hotwife como uma dama, agradará, mimará, […]

Veja mais
1 de fevereiro de 2018

DOGGING: FETICHE DO SEXO EM PÚBLICO À MOSTRA DOS CURIOSOS

O dogging, um misto de voyeurismo e swing, começou na Inglaterra na década de 1970 e ainda é incipiente no Brasil. O fetiche se baseia no prazer do sexo alcançado com mais intensidade devido ao fato de desconhecidos estarem olhando tudo de muito perto. O nome traz diferentes abordagens, seja pelo fato de ser como levar o cachorro para passear e observar tudo ou mesmo pela similaridade dos cães de rua, que acasalam na hora e local que querem. As relações acontecem, geralmente, em lugares públicos um tanto ermos, com pouca iluminação, abandonados e sempre tarde da noite. Com a internet, as pessoas interessadas nesse tipo de relação conseguem se organizar através de fóruns e até mesmo de sites para que os encontros sejam marcados. Pioneira do “dogging”, a Inglaterra tem até uma espécie de federação, o Dogging After Dark, que dá informações, promove debates e até indica mais de 5.000 lugares para transar sob as diretrizes da prática. Ao acessar o site da DAD (www.dogging-afterdark.co.uk), fica claro de cara […]

Veja mais
23 de janeiro de 2018

SEMPRE TIVE PRAZER EM FAZER SEXO ANAL

Recebi esse texto de uma leitora do SeximaginariuM: Não sei se dar o cuzinho é um defeito próprio de uma vagabunda ou uma deliciosa sodomia. O lance é que dando o cu me realizo e gozo como ninguém. E me parece, pelo menos é o que sinto, que a maioria dos homens adora a mulher que dá o cu sem frescuras. E eu dou. Ah, como dou! Dizem que algumas mulheres fazem sexo anal só para agradar seu parceiro, mas eu faço porque gosto e porque mereço. Mereço sentir um macho bem despojado e acoplado às minhas ancas. Mereço um ferro quente e grosso me rasgando o lombo. Me cobrindo feito uma égua selvagem no cio. Tive uma amiga – grande amiga inclusive – que me disse, e soou como um elogio: – Você se comportava feito uma vagabunda totalmente sem classe! Não sabia que foder e dar gostoso o cuzinho para o seu homem, e fazer o que se gosta seja imoral. Enfim, cada um, ou uma, na sua. […]

Veja mais