20 de Fevereiro de 2018

MAL COMIDA PELO MARIDO, LEITORA CONTRATA GAROTO DE PROGRAMA

Me chamo Claudia, 47 anos, 20 de casada e insatisfeita com o desempenho sexual do meu marido. Depois de mais uma noite de sexo burocrático, sem criatividade e cheio de bocejos, comecei a visitar sites de acompanhantes. Pensei num garoto ou numa garota de programa. Viajei na ideia de me jogar numa relação homossexual: as mulheres são carinhosas, cuidadosas no toque e no afeto. Mas as tentações do universo feminino foram se diluindo enquanto eu lia os anúncios classificados dos “meninos”. Rapazes com corpos atléticos, cheios de virilidade, pênis enormes… Todos disponíveis ali, como numa prateleira de supermercado, me pareceram mais interessantes do que as mulheres. Eu fazia a “pesquisa” depois à noite, sempre pelo telefone. Um me chamou atenção: “Discreto, alto nível, universitário, para mulheres exigentes que procuram um homem de verdade, experiente e que saiba fazê-la feliz. Dote de 20 cm x 6 cm de grossura, cabeça avantajada, venha se deliciar, faço um 69 maravilhoso”. Mauro, além das características físicas que eu estava procurando, ele era dócil e […]

Veja mais
13 de Fevereiro de 2018

TODO CARNAVAL TEM SEU FIM!

Toda Bossa é nova e você não liga se é usada Todo o carnaval tem seu fim Todo o carnaval tem seu fim E é o fim, e é o fim Los Hermanos As imagens ++++bizarras do carnaval 2018!

Veja mais
1 de Fevereiro de 2018

DOGGING: FETICHE DO SEXO EM PÚBLICO À MOSTRA DOS CURIOSOS

O dogging, um misto de voyeurismo e swing, começou na Inglaterra na década de 1970 e ainda é incipiente no Brasil. O fetiche se baseia no prazer do sexo alcançado com mais intensidade devido ao fato de desconhecidos estarem olhando tudo de muito perto. O nome traz diferentes abordagens, seja pelo fato de ser como levar o cachorro para passear e observar tudo ou mesmo pela similaridade dos cães de rua, que acasalam na hora e local que querem. As relações acontecem, geralmente, em lugares públicos um tanto ermos, com pouca iluminação, abandonados e sempre tarde da noite. Com a internet, as pessoas interessadas nesse tipo de relação conseguem se organizar através de fóruns e até mesmo de sites para que os encontros sejam marcados. Pioneira do “dogging”, a Inglaterra tem até uma espécie de federação, o Dogging After Dark, que dá informações, promove debates e até indica mais de 5.000 lugares para transar sob as diretrizes da prática. Ao acessar o site da DAD (www.dogging-afterdark.co.uk), fica claro de cara […]

Veja mais
10 de Janeiro de 2018

AMO MEU MARIDO JAPONÊS – PAU PEQUENO E CORNINHO MANSO

Sou sansei, descendente de japoneses, 40 aninhos, seios médios, bumbum bonitinho, coxas não muito grossas, obediente, submissa, uma verdadeira gueixa. Sou casada com um japonês legítimo, maduro, 60 anos, liberal, obediente, corno mansinho compreensivo e incentivador. Somos do interior de São Paulo. Ele trabalha na capital e aos finais de semana ficamos juntos e nos divertimos muito na noite paulistana. Toda vez que vou a Sampa ele me presenteia com roupinhas ousadas, decotadas, minissaias curtinhas, shortinhos apertados que marcam bem a buceta. Adora que eu vista e passeie pela cidade com elas. Ele sabe que gosto muito dele, mas que não supre minhas necessidades sexuais. Não é como eu gosto. É preciso muito mais para aplacar meu fogo. O maior motivo é o pau dele que é pequeno e não me satisfaz. Fica “sambando”, folgado lá dentro e não sinto nada. Ele sabe entende e colabora – Ele me deixa cornea-lo. Em matéria de sexo é muito criativo e como falei liberal – tem tesão que eu seja hotwife, me […]

Veja mais
15 de dezembro de 2017

LEITORA CONFESSA: INICIEI MEU MARIDO NA INVERSÃO

Sou casada faz quinze anos com um homem maravilhoso, mas, no sexo, tudo era muito convencional. Eu tinha a fantasia de fazer inversão e gozava muito imaginando eu penetrando o cuzinho dele. Mas a duvida – Como faria para dizer e propor isso a ele? Li muito e conversei com algumas pessoas que postavam depoimentos sobre inversão na net. Uma delas escreveu aqui no blog dizendo que o marido era carinhoso, quente e que gostava de ser penetrado por ela! Perguntei a ela, como fazer para convencê-lo? Depois de muita conversa e varias dicas consegui! E vou contar para vocês como foi: Como já estávamos casados há muito tempo e com muita intimidade, além de fazer sexo de forma tradicional “papai-mamãe”, sensual e romântica resolvi ser mais ativa, propondo sexo em posições diferentes, gemendo mais para valoriza-lo. Pelas manhãs, como ele está mais disposto, resolvi acorda-lo fazendo uma boa chupeta, lubrificando o pau dele com cremes aromáticos. Após o oral rolava uma trepada mais gostosa… Os meses foram passando e, […]

Veja mais
9 de dezembro de 2017

CUCKOLD UM ESTILO DE VIDA QUE DÁ MUITO PRAZER!

Já faz algum tempo que o leitores do SeximaginariuM veem curtido as postagens do tema cuckold, com inúmeros comentários. Alguns confessam terem muito tesão de serem cuckold (maridos, esposas e comedores) outros que já são adeptos à pratica ou querem iniciar! Mas o que é cuckold? O termo inglês cuckold vem do inglês cuckoo e faz referência à ave enganada pelo cuco, incuba seus ovos e criar seus filhotes. Na verdade é uma prática no qual o marido permite que sua esposa transe com outro homem (amante comedor) na sua frente ou não, mas com seu consentimento. Os praticantes do cuckold (marido, esposa e comedor) contam que a mulher atinge alto nível de excitação e prazer ao transar com um estranho com consentimento do marido. E claro, o marido também se excita muito ao ver sua esposa tendo prazer com outro homem. O prazer da pratica cuckold está na submissão, voyeurismo e humilhação da “perda” da mulher para o homem mais viril, no caso o amante comedor. O cuckold por […]

Veja mais
29 de novembro de 2017

VOCÊ TROCARIA UMA MULHER POR UMA LOVE DOLL?

Substituir uma mulher de verdade por uma boneca de silicone, quase uma Barbie em tamanho real, há quem ache esse fetiche bizarro e você? Pois saiba que no Japão e nos Estados Unidos as “love dolls” estão conquistando fãs e substituindo as velhas e sem graça bonecas infláveis. Essas bonecas perfeitas são a encarnação moderna das velhas bonecas infláveis. No Japão, o negócio cresceu tanto que até uma revista especializada no tema circula pelo país. Numa dessas publicações, uma reportagem diz que além das vendas crescentes das “love dolls”, inovações incluem aluguel de quartos e serviços de ‘acompanhantes’, para aqueles que querem transar com as bonecas. Nos Estados Unidos, a empresa Real Doll vende as bonecas de silicone por cerca de US$ 6.500. A textura e as formas do corpo das bonecas são desenvolvidas para dar a sensação mais realista possível. No site da empresa o “consumidor” é alertado que durante o ato sexual com a boneca, um vácuo é formado dentro dela proporcionando uma deliciosa sucção. Esse efeito é […]

Veja mais
23 de novembro de 2017

VIDENTE GANHA MUITA GRANA “LENDO” A BUNDA

Não odeie tanto suas celulites e suas estrias. Elas podem ser úteis de alguma forma. Pelo menos para que você saiba o seu futuro. Trata-se da rumpologia (de “rump”, nádegas em inglês), a “ciência” que permite ler o futuro analisando a bunda. Rumpólogas, naturalmente, são raras. No Reino Unido, a única se chama Sandra Amos. Recentemente, Antía Castedo, repórter da revista “Soho”, exibiu a bunda para a “vidente”. Sandra tem acesso ao futuro das pessoas por meio de três “guias” espirituais: um índio de Dakota do Norte (EUA), um médico e uma monja. “Todos nós temos o futuro escrito nas nádegas”, afirmou Sandra, que chama o traseiro de “enciclopédia” das nossas vidas. Ela tem 58 anos e há 18 lê bundas. Tudo começou com uma brincadeira em uma festa. Sandra foi desafiada por um amigo a ler as nádegas dele. A “vidente” topou. A previsão deu certo e Sandra decidiu incorporar a rumpologia ao seu dia a dia profissional. A nádega esquerda mostra o passado, diz Sandra. A direita apresenta […]

Veja mais