13 de dezembro de 2017

A PRIMEIRA BUCETINHA AGENTE NUNCA ESQUECE – PARTE 2

Passado algum tempo eles continuavam amantes, mas como Ricardo não conseguia convencer Carla ser “nossa”, o jeito foi eu entrar em cena e dar um empurrãozinho!! Num desses “happy hours” Carla bebeu além da conta. Ricardo se ofereceu para levá-la para casa. – Imagina Ricardo não quero incomodar vocês. Pego um taxi… Prontamente respondi: – Carla aproveite a carona, não há problema, eu vim com meu carro. – De jeito algum, não quero atrapalhar vocês. Enquanto esperávamos os nossos carros Ricardo puxou Carla pela cintura e “tascou” um beijo na boca dela ali na minha frente! Carla que estava “molinha e facinha” não interrompeu o beijo. Quando terminaram ela me olhou assustada e disse: – Carol não sei o que dizer… Desculpa! Exagerei na bebida! – Tudo bem Carla… Vem comigo, eu te levo para casa. Precisamos conversar. No caminho resolvi abrir o jogo: – Carla, meu marido te adora, fala muito sobre você…Na verdade o que ele sente é muito tesão por você… Eu como boa esposa, não posso […]

Veja mais
10 de dezembro de 2017

A PRIMEIRA BUCETINHA AGENTE NUNCA ESQUECE – PARTE 1

Sou casada, vida tranquila, família margarina “papai, mamãe, filhinho, bichinhos…” Sexo bom, mas com vontade de apimentar a relação. Eu como boa cuckquean resolvi realizar uma fantasia que tenho faz tempo: Ver meu marido Ricardo comendo outra mulher. Na verdade um tesão em dobro: Meu e dele! Tempos atrás meu marido comentou sobre uma mulher que trabalhava com ele, que às vezes “dava mole” e se eu daria o meu consentimento para ele “investir”, sair com ela e quem sabe, comermos a delicinha. Ricardo aos poucos foi alimentando minha fantasia descrevendo os atributos da moça. Carla uma loira, cabelos longos e lisos, olhos verdes, 32 aninhos, 1,65 de altura, coxas grossas, pernas torneadas, bunda linda, seios médios durinhos… Além disso, era discreta e educada. O nosso “sonho de consumo” era perfeito. A parte mais complicada da nossa fantasia: Como convencer a gata loira virar namoradinha do Ricardo e Eu, Carol, participar da brincadeira. Como tenho ótima relação com os colegas dele comecei a frequentar os happy hours da empresa. O […]

Veja mais
6 de novembro de 2017

MULHERES PELUDAS FOTOGRAFADAS POR NIKKI SILVER

A fotógrafa Nikki Silver, em parceria com a educadora sexual Tina Horn, decidiu fazer um livro de fotografias, intitulado “Unshaven” (“sem depilação”), que celebra os corpos de mulheres que optaram por não tirar os pelos do corpo. Nikki Silver, uma premiada produtora de pornô, diz que já fotografou 40 mil mulheres peludas para seu site pornográfico NaughtyNatural (“natural impróprio”) quando decidiu publicar o livro Unshaven, que traz imagens feministas de modelos amadoras mostrando seus pelos corporais. Em entrevista ao ‘Huffington Post’, Silver disse que não está interessada em dizer a qualquer pessoa o que fazer com seu corpo. “No entanto, estou bem interessada na liberdade pessoal e na anatomia corporal, especialmente para mulheres e na apresentação feminina, que a sociedade frequentemente tenta controlar”, afirmou.

Veja mais
30 de outubro de 2017

“COISAS ERÓTICAS” – O 1º FILME PORNÔ BRASILEIRO

Em julho de 1982, estreava no Windsor, cinema tradicional do centro da cidade de São Paulo “COISAS ERÓTICAS”, o primeiro filme pornô brasileiro. Com um público de 4,7 milhões (17º lugar na lista das maiores bilheterias do cinema brasileiro de todos os tempos), o filme mudou a trajetória do cinema nacional. Atualmente o acesso ao material pornográfico produzido pelo mundo é fácil – internet, canais a cabo, DVD, BLU RAY – mas na época do lançamento de “COISAS ERÓTICAS”, ainda sob a censura do regime militar, era difícil conseguir e assistir um filme XXX. O VHS era raro no Brasil e o jeito era assistir dividir um pornô com amigos no “bom e velho” Super-8. Uma verdadeira punheta coletiva! Após o sucesso do 1º FILME PORNÔ_BR o público cinéfilo-punheteiro não queria mais ver apenas seios, nádegas e simulação de sexo com o pau mole. Para fazer sucesso nas bilheterias, era necessário mostrar explicitamente o “algo mais”! Em meados da década de 1980 a indústria paulistana da pornochanchada foi consumida pela […]

Veja mais
25 de outubro de 2017

O ERÓTICO E O PORNOGRÁFICO

É difícil traçar o limite exato, a fronteira, entre o erótico e o pornográfico. Já li muito sobre o tema, mas nunca cheguei à conclusão alguma. Mas vamos tentar refletir sobre o tema. O erotismo revela corpos e atos com mais sutileza. A pornografia explicita os atos sexuais, mostra a genitália desnuda e escancarada. O erótico desperta a libido e a imaginação. É a roupa branca, molhada, colada no corpo da mulher, a silueta de uma bunda revelada na contraluz. A pornografia, desperta o tesão, a vontade. É a boca engolindo um pau. Uma língua penetrando uma boceta. Lábios melados de gozo! Em resumo o erótico insinua e a pornografia explicita. Mas não apenas a mostra da genitália desnuda escancarada define a pornografia. Paus, bocetas, peitos e cus são mostrados em revistas, no cinema e em exposições. Mas isto é arte erótica ou pornografia? Pode ser arte. E se esses órgãos estiverem em funcionamento, no ato sexual? Isso é arte? Também! O critério da aparência ou não dos órgãos sexuais […]

Veja mais
7 de Março de 2017

BURNING LOTUS, 56 ANOS – MODELO MADURA TATUADA NÃO TEM MEDO DE NUDE HOT!

A maioria das mulheres quando passa dos 50 anos ou chega à menopausa, não se sente mais atraente quanto às mais jovens e isso deixa a autoestima delas bem baixa. Mas, na contramão deste pensamento, a americana Julie H., prova para todo mundo que a vida está apenas começando aos 56 anos e a sensualidade pode estar no auge! A madura gostosa usa na rede o apelido de “The Burning Lotus” e compartilha suas fotos sensuais e eróticas em uma conta do Tumblr. Alguns cliques mais hot foram censurados, aliás, por serem considerados NSFW (Not Safe for Work ou “não abra no trabalho”). Julie, que agora é modelo profissional, impressiona com um corpo escultural e varias tatuagens que cobrem boa parte de suas costas, pernas e bunda. “Eu comecei a postar minhas fotos em 2010 como um desafio a mim mesma, uma afirmação da minha existência”, explica “Burning Lotus” em entrevista ao Huffing Post. “As imagens pegaram fogo e chegaram a 25 mil comentários em um dia”, lembra Ela. Hoje […]

Veja mais
15 de novembro de 2016

A CALIGRAFIA VAGINAL DO ARTISTA CHINÊS SUN PING

Sun Ping, artista chinês de 63 anos, aplica uma técnica bizarra para desenvolver o que ele denomina “caligrafia vaginal” – Ele convida jovens mulheres, aspirantes a artistas, para escrever usando um pincel introduzido na vagina. O artista chinês também pede as jovens artistas para doar seus pelos pubianos para a confecção dos pinceis. Sun Ping idealizou a “caligrafia sexual” em 2006 com o objetivo questionar o status da arte chinesa tradicional e desafiar o conceito de vulgaridade na sociedade chinesa contemporânea. “A caligrafia vaginal é uma provocação, mas o objetivo da minha arte é mostrar a correlação entre liberdade de expressão e do corpo humano.” A performance artística foi considerado perigosa, provocadora, vulgar e incivilizado pelas autoridades de Pequim o que resultou na expulsão de Sun Ping da China Artists Association (CAA), uma associação governamental. A CAA divulgou comunicado em seu site dizendo que o artista arruinou a caligrafia chinesa. “Desculpe, mas eu tenho que discordar. Se a vagina é boa o suficiente para dar a luz a uma vida […]

Veja mais