ESPOSA PAGOU A DIVIDA DO MARIDO METENDO COM O AGIOTA – PARTE 1

HOTWIFE PROCURA AMANTE NOVO
18 de outubro de 2018
10 DICAS DA ESPOSA PUTINHA E DOMINADORA
25 de outubro de 2018
Show all

ESPOSA PAGOU A DIVIDA DO MARIDO METENDO COM O AGIOTA – PARTE 1

Meu nome é Caio, 42 anos, ganho a vida emprestando dinheiro para quem está fudido, cheio de dívida. Um dos meus devedores me procurou para dizer que não tinha como pagar o empréstimo. Vendeu carro, joias, eletrodoméstico, mas não sobrou grana para me pagar. Disse a ele que se virasse e me trouxesse logo uma solução. Chorou e me falou que a única coisa que tinha na vida era a esposa.
– Tai a solução…Ela paga sua dívida!
Como assim, perguntou ele.
– Conheço sua esposa, ela é jovem, linda, morena, peitão, uma bundinha redondinha e firme, um tesão de mulher… pode pagar com o corpinho dela! Você me deve 30 mil vamos fazer cada foda por mil, então vou meter com sua esposa 3 vezes.
– Você é louco! Ela não vai topar uma loucura dessas.
– Converse com ela. Se ela te ama fará isso por vocês!
No dia seguinte ele mandou um “zap” dizendo que a esposa tinha topado e que preferia que os “pagamentos” fossem na minha casa.
– Vamos começar logo então…amanhã final de tarde.
Como combinado dia seguinte estava eu em casa esperando eles chegarem. Os recebi, fomos para a sala, sentei no sofá e eles sentaram no outro em frente. A esposa nervosa não me encarava. Ela de vestido branco transparente, estava linda. Eu fiquei os observando em silencio e para quebrar o gelo falei para a esposinha:
– Levanta e tira a roupa bem devagar.
Ela se assustou, mas obedeceu sem dizer nada tirou o vestido, o sutiã e a calcinha. Uma buceta peludinha, bicos grandes e negros… Meu pau estava duro igual pedra.
– Vem aqui, desabotoa minha calça e bota meu pau pra fora.
E assim ela fez, ficou alisando o meu pau.
– Chupa!
Ela passou a língua nas bolas, na cabeça do meu pau, chupava com maestria. Engoliu pouco menos que a metade…
– Eu quero mais!
Ela abocanhou, babou no meu pau inteiro mais não era o suficiente:
– Coloca inteiro na boca!
– É muito grande, não dá da não, falou ela meio engasgada, babada, com a maquiagem em volta dos olhos borrada pelas lagrimas que escorriam no esforço de botar meu pau na boca.
O marido olhava aquilo com cara de tesão. Falei para ele:
– Está te incomodando? Com ciúmes dela? Ou está tesão me ver comendo sua esposa? Fique à vontade para bate uma punheta.
Dei um tapa na cara dele e mandei ela dizer para o marido que ela era minha puta e que eu era seu dono até pagarem a dívida.
– Amor, estou te fazendo de corno, mas é para nosso bem tá! É para pagar a dívida que você fez!
Dei mais dois tapas na cara dela e mandei ela dizer para o marido o que estava sentindo.
– Estou com muito tesão de chupar o pau dele e ver você batendo uma punheta.
Levei ela pro quarto, coloquei na posição de frango assado e comecei a chupar a buceta que escorria até molhar a cama. Coloquei a cabeça do meu pau na buceta dela e chamei o marido pra ver:
– Olha como eu vou foder a buceta da sua cadelinha!
Enfiei meu pau de uma vez, até o talo, e comecei a bombar rápido. Ela gritava e gemia bem alto, eu apertava os seus peitos e alisava seu corpo delicioso.
Tirei meu pau da buceta, peguei ela pelos cabelos e a fiz ajoelhar. Fiquei de pé na cama e meti na boca dela na frente do marido que já tinha gozado na punheta. Ela engolia meu pau olhando pra cara dele.
– Olha aqui seu corno como ela chupa meu pau. Ela nunca te chupou assim né?
Deitei na cama e mandei ela cavalgar de frente pro corno, fiquei apertando seus bicos enquanto ela socava meu pau. O marido foi à loucura vendo-a pular de frente pra ele, a esposa gritava muito! Depois de um tempo coloquei ela de lado e meti mais ainda.
– Bata punheta corno, mas não pode tocar nela!
Continuei fodendo a cadelinha que se masturbava com o meu pau dentro da buceta. Ela gozou e logo em seguida gozei com meu pau dentro da buceta dela, nos dois ficamos deitados, esperei uns minutos pra me recompor e levantei da cama:
– Pronto, primeira parcela paga!
Se ela der o cuzinho eu abato mais mil reais.
– Você topa amor? Pense bem, ele tem um pau bem grande vai doer.
Com cara de tesão ela respondeu:
– Sim topo! Sem problemas eu dar o cuzinho para ele e ainda abatemos mais um pouco da dívida.
Fiz ela chupar meu pau até ficar duro. Fiquei em pé em cima da cama, ela ficou de quatro com a bunda empinada pra cima, abriu a bunda pra mim, chupei o seu cu, enfiei dois dedos, coloquei a ponta da cabeça e fui empurrando sem dó. A esposinha gritava de dor e prazer. Fui aumentando a velocidade, o cu dela apertava meu pau até gozar. Tirei a camisinha suja de merda e sangue e ordenei que ela ajoelhasse e fiz chupar meu pau. O corno me pediu que eu não gozasse na cara dela dentro dela. Não deu tempo – soltei dois jatos de porra dentro da boca da esposinha e gozei o resto nos peitos, deitou na minha cama e disse que tinha rasgado ela inteira e que não estava aguentando de dor no cu todo assado!
– Pronto primeira parcela do carnê está paga. Leva ela para casa e cuida da buceta e do cuzinho dela que logo, logo tem mais.
Ela colocou o vestido e foram embora. Na semana seguinte o marido mandou mensagem dizendo que a mulher queria pagar mais algumas parcelas da dívida!
Semana que vem tem mais e eu vou contar!

Leo
Leo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.