CASAMENTO ESTAVA MORNO – ARRUMEI UM AMANTE QUE METE GOSTOSO!

VOCÊ SABE MASTURBAR A GATA? AS FRUTAS TE ENSINAM!
22 de dezembro de 2017
EM 2017 CRESCEMOS 500% – UM #SEX 2018 PROCÊS
30 de dezembro de 2017
Show all

CASAMENTO ESTAVA MORNO – ARRUMEI UM AMANTE QUE METE GOSTOSO!

Amor, hoje vou almoçar no shopping com minha amiga Cris e depois vamos ao cinema.
Quem é Cris?
Você não conhece, trabalha comigo lá na empresa…
Ah tá! Bom almoço e bom cinema.
Após muitos anos de casamento morno, quase frio, resolvi dar um “up” e sair com o cara que dava encima de mim na empresa! Já demos uns amassos dentro do carro… Mas, nunca transamos.
Me vesti bem gostosa para encontra-lo. Infelizmente não dava para ficar muito perfumada, pois a esposa dele podia desconfiar (ele é casado), porém um banho com um bom sabonete e um conjunto de lingerie sensual, bastava para me sentir linda e gostosa (estou um pouco gordinha, mas gostosa).
Nos encontramos no motel. Claudio me segurou pela cintura e me beijou demoradamente na boca. Deitamos na cama, ele ainda de roupa. Minha mão passeando pelo seu corpo até encontrar aquele pau duro delicioso. Montei nele e comecei a me esfregar delicadamente contra o volume em sua calça. Ambos sorrindo enquanto brincávamos feito dois adolescentes. Cansado de ficar por baixo, Claudio me coloca de barriga para cima na cama. Agora, só de cueca, esfregou o pau duro na minha buceta molhada. Senti a cabeça da sua rola babada. Quanto tesão!
-Você faz isso maravilhosamente bem. Exclamou enquanto eu iniciava uma modesta punheta. Sorri. Adoro elogios.
Os dedos dele ansiosos puxaram para o lado a minha calcinha, encontrando ali a quentura e umidade. Esfregando meu clitóris, gemi de prazer. Não aguentava mais, queria ele dentro de mim. Pedi arrego, era muita tortura. Claudio tirou a cueca e a minha calcinha, chupou minha buceta e lambeu toda aquela baba que escorria.
Enquanto me segurava com firmeza com a mão direita, a mão esquerda escorregou entre minhas pernas. Gemi de prazer quando ele introduziu seus dedos habilidosos na minha xoxotinha. Sua dedicação foi recompensada em pouco tempo quando eu me retorci de prazer, gozando em sua boca.
Deitada de bruços com o bumbum empinadinho, ele me fodeu com vontade, enfiando tudinho, socando o pau na minha buceta. Segurei o travesseiro e aguentei aquela fúria com muito gosto. Os minutos se passavam entre gemidos e sussurros, percebi que Claudio estava suado e ofegante, ofereci-me para lhe dar um descanso. Ele deitou de barriga para cima e eu sentei com tudo naquela rola dura e gostosa. Cavalguei enquanto nos deleitávamos com a linda vista que os espelhos ao redor do quarto nos proporcionava. No reflexo que se dava atrás de mim dava para ver o pau dele entrando e saindo da minha buceta inchada de tesão. Eu rebolava vagarosamente para que pudéssemos aproveitar a visão.
Foi então que, numa manobra brusca, ele me pôs deitada e ficou por cima, sem retirar a rola de dentro de mim. Enquanto o suor pingava de seu corpo ele me fodia energicamente, metendo tudo na minha xoxota gulosa. Urrei de prazer.
Já haviam passados longos 40 minutos sem se quer termos nos dado conta. Cansados, deitamos lado à lado e nos beijamos. Nossas mãos passeavam pelo corpo um do outro.
Fui então premiada com mais uma chupada deliciosa. Os dedos mágicos do Claudio jamais iriam deixar de me surpreender. Terminando a minha maravilhosa noite de meio de semana com mais uma gozada gostosa.
Respirando feliz, pude finalmente voltar para casa satisfeita.
Boa noite amor, o filme foi bom!
Foi Otimooo!

Leo
Leo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.